Queda no número de vítimas fatais nas
rodovias estaduais paulistas

 

O balanço da “Operação Carnaval 2009” realizado pelo Comando de Policiamento Rodoviário aponta queda no número de vítimas graves e de vítimas fatais nas rodovias estaduais, entre os dias 20 e 24 de fevereiro de 2009, em comparação com mesmo período de 2008. Das pessoas vitimadas, 155 se feriram gravemente e 42 fatalmente, contra, respectivamente, 171 e 45 em 2008.
Foram registrados 1163 acidentes de trânsito, sendo 441 com vítimas e 722 sem vítimas. Já durante o feriado de 2008, foram contabilizados 1056 acidentes, 398 com vítimas e 658 sem vítimas.
No aspecto da prevenção e repressão criminal, foram apreendidos 5,538 Kg de drogas, 04 pessoas procuradas foram recapturadas, 3 armas ilegais foram apreendidas, 16 veículos foram recuperados e 41 pessoas foram presas em flagrante delito.

Fiscalização e educação
No decorrer da operação, além da intensificação da presença policial e da fiscalização de trânsito, houve a realização de campanhas educativas e de esclarecimento aos usuários das rodovias, sobretudo com relação à proibição do consumo de bebidas alcoólicas aliada à condução de veículos.
Durante o período, foram lavradas 18.152 autuações por infrações de trânsito diversas em todo o Estado, sendo apreendidos 1.016 veículos, 308 carteiras de habilitação e 2.482 documentos de veículos por irregularidades.

Intensificação da fiscalização de motociclistas
Com a intensificação da fiscalização, das autuações lavradas, 3.109 foram aplicadas nos condutores de motocicletas e 350 motos foram apreendidas.

Álcool x Trânsito
No intuito de reduzir o número de acidentes e de vítimas, foi dispensada especial atenção à fiscalização do consumo de bebidas alcoólicas (ou de substâncias de efeitos análogos) com a utilização de 82 etilômetros (bafômetros) e também através da constatação por meio do auto de verificação previsto na legislação vigente. Foram 111 casos de embriaguez, sendo que 16 condutores foram presos em flagrante pelo cometimento do crime previsto no Artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro. Em 2008, foram registrados 53 casos de embriaguez.

Presença diuturna em todo o Estado
Para que a sensação de segurança na malha rodoviária do Estado de São Paulo seja eficiente e com garantias de qualidade no atendimento às demandas, a Secretaria dos Transportes conta com o Comando de Policiamento Rodoviário da Polícia Militar do Estado de São Paulo que, através de convênio com o Departamento de Estradas de Rodagem – DER, a Dersa - Desenvolvimento Rodoviário S/A e as Concessionárias de rodovias, desenvolve atividades de preservação da ordem pública e o policiamento de trânsito nos mais de 24.000 Km de rodovias estaduais.
Por fim, cabe destacar a conjunção de esforços de outros segmentos da Polícia Militar na “Operação Carnaval 2009” em apoio ao policiamento rodoviário, tais como as unidades de policiamento de área da região de São José dos Campos e de Santos, os Comandos de Policiamento da Capital e Metropolitano, o 1º Batalhão de Polícia de Choque (ROTA – Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar), o 2º Batalhão de Polícia de Choque e o Grupamento de Radiopatrulha Aérea.

PRESS RELEASE Nº CPRv-011/05/09, de 25FEV09

Polícia: 190 / Bombeiros: 193 / Disque PM: 0800-0555-190
Disque Denúncia: 181 (Cidade de São Paulo e Região Metropolitana) / 0800-156315 (demais Cidades do Estado de São Paulo)
Condições das Rodovias: (11) 3327-2727 / www.polmil.sp.gov.br/unidades/cprv / www.transportes.sp.gov.br

Setor de Assuntos Civis do Comando de Policiamento Rodoviário
Av. do Estado, 777 – Ponte Pequena – São Paulo – SP – CEP 01107-000 - Tel: (011) 3327-2627 e 3327-2631 - Fax: (011) 3327-2699
Site: www.polmil.sp.gov.br/unidades/cprv - E-mail: cprvp5@polmil.sp.gov.br


Setor de Assuntos Civis do Primeiro Batalhão de Polícia Rodoviária
Av. Álvaro Guimarães, 2543 – Vila Euro – São Bernardo do Campo/SP – Tel: (011) 3465-5300 – ramal 218
E-mail: 1bprvp5@polmil.sp.gov.br


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Todos os direitos autorais ,textos, imagens , obras ou criações de qualquer natureza disponibilizadas neste site, pertencem à www.riachogrande.net ou a terceiros que autorizaram o uso de sua propriedade intelectual e de imagens.
Sendo assim, é terminantemente vedada a distribuição, representação, publicação, uso comercial e/ou utilização de tais materiais, no todo ou em parte, sem a citação da fonte utilizada.
A violação destes direitos é crime, e seu infrator está sujeito às penalidades legais previstas nas Leis 9.610/98 e 9.279/96 e no art. 184 do Código Penal Brasileiro, bem como ao pagamento de indenização pelos prejuízos causados.