Desde Março de 2006 você é o visitante nº
Contador
 

Gratidão e valorização para cabo da PM que salvou vidas em São Paulo

 
No último dia 12 de maio, a cabo da Polícia Militar de São Paulo, Kátia Sastre protagonizou um ato de bravura. Ela reagiu a um assalto na porta da escola infantil onde a filha estuda, em Suzano, na região metropolitana de São Paulo, e matou um criminoso que apontou sua arma e efetuou dois disparos na frente de mães e filhos para tentar roubar bolsas e objetos pessoais. A policial estava em sua folga, mas foi responsável por uma atitude heroica, que deve servir de exemplo para as corporações e para todos os agentes de segurança pública do país.
 
 
O acusado, identificado como Fabio Luiz Venturi, de 21 anos, já tinha passagens. Sua extensa ficha inclui roubo, organização criminosa, ocultação de cadáver, atos infracionais quando menor, roubo de veículo e receptação.
 
A cabo Sastre foi homenageada pelo governador do Estado de São Paulo Márcio França neste Dia das Mães, mas merece muito mais. Ela tem 20 anos de corporação. A PM é mãe de duas meninas e estava na escola, onde estuda uma das filhas, para assistir uma homenagem às mães. Kátia recebeu flores do governador como forma de agradecimento, mas merece, sem sombra de dúvidas, nossa gratidão e também uma promoção.
 
As homenagens do governador e demais instituições públicas são justas e merecidas. Entretanto, o reconhecimento e a valorização profissional se fazem necessárias. Nossos agentes de segurança defendem nossa sociedade de forma exemplar todos os dias, correndo riscos e atuando em prol de salvar vidas.
 
A cabo Sastre demonstrou como deve agir um agente de segurança pública. Independemente de estar em folga, se mostrou em alerta e utilizou técnica e coragem em uma situação de alto risco. Foi uma abordagem que durou frações de segundo e foi fundamental para salvar as vidas de mães e filhos que estavam em frente à escola para a comemoração do Dia das Mães. A policial também solicitou socorro médico para o homem, como já está previsto no treinamento policial.
 
A policial agiu em defesa da sociedade e de suas filhas, de sua família. Defendeu vidas. E por esse ato heroico, iniciamos uma campanha para que a cabo Sastre seja promovida. Basta acessar a página da ADEASP no Facebook
 
Precisamos valorizar nossos profissionais de segurança pública que atuam para combater nas ruas, diariamente, a onda crescente de violência. E reforço, pretendemos que a Cabo Sastre, além das merecidas condecorações, seja promovida e sirva de exemplo para os demais profissionais.
 
*Elizeu Martins Feliciano é vice-presidente da Associação de Defesa dos Agentes de Segurança Pública (ADEASP) 
 
 



 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Para anunciar Fixo: (11)4101-9740 / (11) 7771-8810 ID: *125*109713 - Email: reinaldo@riachogrande.net